A indústria se adapta e produz jogos para meninas

Foi-se o tempo em que a maioria absoluta dos usuários online era de homens. As mulheres estão aumentando sua presença digital, inclusive profissionalmente. Pesquisas revelam que nas redes sociais mais utilizadas elas já são maioria e por isso os serviços precisam buscar atender esse público de forma diferenciada.

Um dos nichos de mercado é o de jogos, um grande meio de diversão. Por causa delas surgiram vários jogos de meninas, o que não era o foco desse tipo de indústria. Empresas que antes só faziam jogos de luta, corrida e esportes tiveram que se adaptar e produzir jogos que interessarem ao público feminino de várias idades, como jogos da Barbie.

Agora existem até jogos voltados a atividades reais como simuladores de ginástica para Nintendo Wii e jogos de bebês, que fazem sucesso usando o instinto materno que toda mulher tem e por mais que sejam brincadeira já são um tipo de preparo para quando forem mães. Jogos que simulam guarda-roupas, cozinhas, restaurantes e festas também são voltados para este público.