Atenção Farmacêutica a Pacientes Idosos

Atenção Farmacêutica a Pacientes Idosos

*LIMA, Dieila Graciela.

Resumo:

A atenção farmacêutica á pacientes idosos visa relatar os benefícios, como fator relevante e esclarecer esses benefícios e objetivos que a atenção farmacêutica pode oferecer á pacientes idosos.

Palavras-Chave: Atenção, Idosos, Benefícios.

——————————————————

*Acadêmica do 3º Semestre de Farmácia, da Faculdade de Quatro Marcos- FQM.

1. Introdução:

A atenção farmacêutica tem como objetivo principal explicar e orientar os pacientes idosos acerca das verdadeiras mudanças existentes na atenção farmacêutica, para que esse grupo não se sinta excluído.

Com o objetivo de sensibilizar os profissionais da área e até mesmo os responsáveis pelos idosos a importância dobrada quanto ao uso de medicamentos, favorecendo sua qualidade de vida.

2. Desenvolvimento:

A atenção farmacêutica relata os benefícios como fator relevante á boa qualidade á atenção farmacêutica a pacientes idosos.

Orientando os idosos quanto ao uso dos medicamentos. Avaliando o idoso antes da dispensação. Mostrando se o medicamento tem algum efeito colateral, trazendo informações e orientações ao esclarecimento dos idosos, quanto ao uso de medicamentos.

Torna-se válido ressaltar ZUBIOLI, que diz que “razões de natureza histórica, ética, científica, tecnológica e de ordem sanitária exigem que o farmacêutico seja o único profissional de nível superior responsável pelo medicamento (…)”

Segundo DUTRA-DE-OLIVEIRA, MARCHINI, “se associado a tal padrão dietético, a ingestão de altas doses de vitaminas antioxidantes promove a saúde e propicia um aumento na expectativa de vida (…)”.

“O medicamento é um elemento fundamental nas ações de saúde e sua dispensação pelo farmacêutico corresponde ao direito á saúde de toda a sociedade.”

3. Considerações Finais:

Promover uma educação farmacêutica que venha ao encontro das necessidades do idoso, sensibilizando-o não só em relação á uso de fármacos, mas também aos cuidados e métodos preventivos favoráveis á sua boa qualidade de vida. Difundir informações em relação á atenção farmacêutica, a pacientes idosos.

Bibliografia:

DUTRA-DE-OLIVEIRA, José Eduardo, 1927- Ciências nutricionais / J.E. DUTRA-DE-OLIVEIRA, J. Sergio Marchini- São Paulo; Sarvier, 1998.

ZUBIOLI, Arnaldo, Profissão; Farmacêutico. E agora. Editora Lovise-cientifica 1992.

ZUBIOLI, Arnaldo, Ética Farmacêutica Farmácia- Sobravime-Sociedade Brasileira de Vigilância de Medicamentos- São Paulo 2004.