Como homem! Sinto-me envergonhado com muitos que assinam leis no Brasil.

 

Como homem! Sinto-me envergonhado com muitos que assinam leis no Brasil.

 

Leitor, leitora. Para quem acompanha os meus escritos; não sou homem de conquistar leitores, apenas por, ou, em concordar com seguimentos que para muitos parecem naturais; porém, no final representam um mal, ou, o mal em se viver, ou saber e até no ponto de vista, parece não ser nada, porém…

 

Por isso, neste, não poderia me calar diante fatos acontecendo e acontecidos; em virtude quê: uma classe de pessoas achando-se no direito de querer mudar os conceitos bíblicos despreza os ensinamentos de Jesus Cristo, achando – se que tem direito e exigindo – os direitos de:

Antes descrevo: para qualquer pessoa no meu querido país Brasil, ou deste mundo quê: ninguém me fará calar em falar das e as verdades sobre o que foi e está escrito na Bíblia Sagrada. Ao tempo em que informo:

Sou ciente sobre o que estar escrito na constituição de 1988, principalmente no artigo 220°. Bem como, no 2° e o 03 quando se trata referente à inteligência do inciso xv do artigo 5°.

Talvez, o leitor, a leitora, esteja a perguntar: qual o assunto que pretende escrever? Sim! Preciso neste, deixar um recado, expressando a minha opinião; e antes que venha a ser ciente sobre do que será descrito, lhe adianto: não me venha fazer beicinho se vir lhe atingir; pois, pela própria constituição, no artigo o qual está sendo descrito; dá-me autoridade em escrever e descrever, pois, a liberdade que você pretende ter; ela deve ser também utilizada dentro de certos limites que não excedam à liberdade do seu semelhante; pois o que acabou de ler, estar na constituição de 1988.

Daí, os recentes acontecimentos envolvendo direito gays, ou, o que seja; estar a me afrontar os meus direitos de homem, me fazendo ficar envergonhado, com os que querem mudar o conceito de vida; pois, na Bíblia estar escrito: casa-se homem com uma mulher. E nunca será lido: pode-se casar homem com homem; mulher com mulher.

Vamos refletir: em primeiro lugar; este artigo, não se trata em concordar que as pessoas, continuem a pensar e fazer maldade para com essas classes de pessoas; eu mesmo proponho e exijo até que seja feita justiça, quando uma dessas pessoas, venha sofrer qualquer problema de violência física atribuída “o” apenas em virtude que, querem ser diferente; portanto, não aceito e pedirei punição para qualquer pessoa agindo dessa forma, porém:

 

Estão sendo hipócritas, quem vem pregando quê: quem não concorda, ou não aceita essa era de ser, ou querer estar na sociedade livremente, dois homens, ou, duas mulheres, aos beijos e abraços e mais: a exigir dos que fazem a lei; leis que dêem vantagens para homens que querem ser afeminados; ou querendo casar um com o outro; bem como: mulheres, com mulheres assim a dizerem:

Quem não aceitar esse modo de viver; tem preconceito, ou é preconceituoso; para mim, (não cola). Pois, quem vive nesse estado e pensar assim, desejando que o governo, ou a justiça faça justiça; assinando direitos para seus desejos; eu pergunto: que justiça? Uma coisa é uma coisa.

Primeiro; no nosso país, existem, centenas de problemas, os quais precisam ser resolvidos em favor da sociedade; porém, do que estamos sabendo? Passeatas dos gays, lésbicas, pedindo leis, para oficializar suas atitudes, ação e desejo, querendo ser diferente. Nisso a Justiça logo a sentar; e assinar leis em favor dos mesmos; esquecendo grandes e importantes projetos, para toda a sociedade; assim ser analisados “as” com mais precisão e urgências; fazendo, daria logo fim como modelo de justiça. Não entendeu? Refleti: estão matando, tirando vidas de inocentes, iguais matam formigas, do nada e por muitas vezes quase nada.

Bandidos cheios de armas potentes; matando o cidadão de bem. Muitos maridos, companheiros e amantes, pois, apenas porque tem uma arma, ceifa vidas de mulheres, por nada. Bem como: quantas mulheres matando, apenas porque está com uma arma e a cada dia morrendo inocentes. Os nossos bravos policiais, Civis, Militares e Federais dando o rosto, a cada momento para nos defender. E quando os prende… Cadê a justiça para se reunir, em criar leis, assim punir, porém, quantas vezes os soltam. Não sabem criar? Então, por isso deve torna-se mais fácil trabalhar para essas classes; assim, estão a criar leis favorecendo os mesmos. Classes, que não traz, e não dará um mínimo de educação ou, prazer a ninguém; a não ser para eles próprios; pois, pensando ser afeminados, querem fazer diferente.

 

Ora escrevi! Não sabem criar? Significa: muitos políticos não saber trabalhar; pois, se soubessem o que aconteceria no dia a dia? Teríamos logo uma redução de inocentes que não perderia a vida tão facilmente neste nosso país Brasil; pois, famílias de trabalhadores, que buscam o sustento, ou, muitos que estudavam para ser alguém na vida e foram mortos por marginais, ou, por cabeça quente; e quantos ainda serão ceifados, a perder a vida através de armas cheia de balas; em virtude quê: as leis são brandas; apenas serão presos; vão jogar bola dentro do presídio, assistir televisão; trabalhar forçado e pesado, essa última, “não existi” para depois, logo soltos; pois, com um terço da pena paga, ou, mais dias de prisão, logo terá o direito de ir para casa passar o final de semana, sendo feriado, ou não.

Eles! Roubaram! Mataram. Más, os que fizeram as leis, não enxergam que: precisa de imediato mudar, pois, apenas os beneficiam. O Pior disso, neste tempo que acontece, é ouvir de quem se diz estudioso, para o sentido psicológico que: deixando sair, para vê os seus familiares… Sim vê! Porém, querem vê são outros familiares e não os deles. Fico a pensar: quantos jovens de 16 anos, ou 17 matando; cientes que passará apenas três anos; e muitos desses que fazem a lei, a passar a mão nas cabeças desses e a dizer: são ainda crianças. Pensam assim, pois, não fizeram mal, ou mataram ainda a vossas mães…  Porém, para poderem votar nos senhores, não são; além, que faz sexo o tempo todo e muitos até fazendo filhos; quantos até querendo o direito de poder tirar a carteira de motorista e assim, poder dirigir.

 

Políticos atuantes; querem mostrar que trabalha pela sociedade? Então Se junte todos digo: deputados federais; senadores; ministros e façam leis que: quem gosta de matar, ou seja: aprenderam a ceifar vidas de inocentes, ou não; que sejam punidos, com perda de um olho; um rim, um pulmão e doem aos necessitados, muitos que estão em fila de espera por anos, seriam beneficiados; porém, o que estão a fazer sobre esse assunto? Pois, a cada dia mortes e mortes. Façam! Coloquem bandidos, ladrões para doar sangue para órgãos; implantando esse projeto; mesmo que seja, sangue de gente ruim; porém, não faltará sangue nos órgãos que precisa. Porém; quais os benefícios atualmente que estão assinando para favorecer a sociedade? Há! Imaginaram que todos poderiam aceitar que a lei da ficha suja, não valesse para a eleição que passou e sim, para a próxima; meu Deus! Que absurdo. Foi essa lei que gostamos? Afora o aumento absurdo que os deputados deram a se mesmos. Então isso é trabalho?

Vamos trabalhar senhores? E o sentido do trabalho para muitos de nós eleitores também é: quem acusar sem prova, que pague os prejuízos; porém: quando se levantar, algo que tem sentido; podendo ser quem que seja; sendo atualmente um ministro; pois, dentro de quatros anos, ou seis, passar a ter um patrimônio considerado, alto para o salário que ganhou e ganha como funcionário de governo, digo ministro. Então, que se apure e não; fazer uma barreira para chegar à clareza dos fatos; desviar focos dizendo que é conversa de oposição; isso cheira mal, passa descrédito para toda a sociedade, pois, como escrevi: criem uma lei que: levantando falso que pague; e encontrando no erro que seja preso e devolva os bens que ganhou ilícito e não apenas jogar conversa fora sem querer apurar; pois esse filme e história eu já vi, ou seja: não fez nada, não sabia de nada e a pessoa havia feito; a prova que foi expulsa até do partido que era filiado.

Trabalhe com projetos onde toda a sociedade, vos aplauda, pois, se pensa nessa lei que

Foi criada que as pessoas, por ter sido bons pagadores, logo terão melhores condições de compra, ou seja: bons descontos, ou favorecimento, as pessoas que foram fies pagadores. Bem! Acham que essa lei é vantajosa, ou, estar a dá título para alguém. Bem! Por que, antes não diminuíram os valores cobrados dos juros, quando se pede dinheiro emprestado; os bancos que emprestam dinheiro com juros absurdos, a taxa venha a diminuir; e quando através de cartões de crédito, quando passamos um mês sem pagá-lo; se paga um montante de juros alto; ninguém enxerga esse absurdo? Assim acabar com esses verdadeiros roubos, mesmos que não sendo a mão armada. Diante do descrito e outros fatores; como poderia, ou, poderei ser um bom pagador? Mais ainda: se milhares de pessoas, tendo causa na justiça, assim, a receber por direito, o dinheiro que lhes devem; porém, por dezenas de anos, fazendo décadas o processo quase mofando em Brasília, ou em outros juizados, para receber o que se tem direito . Então! Como poderia estar nessa lista? Portanto! Que benefício eu ou milhares de pessoas receberemos? Pois, os senhores antes não trabalharam para muitos de nós recebermos o que se tem direito, como foi descrito; assim pagar o que se deve, ou comprar o que precisa. E a mesma se faz necessária para o momento? Talvez, quem ficou alegre são os orgulhosos, achando que isso foi, ou é importante. Portanto, jamais poderei aplaudir essa lei?  E, saiba de outra a qual estou sabendo: ouvi a reportagem dizendo: contas de energia será pago também como pré-pago. Isto acontecendo; pode gravar e aguardar o que irei descrever agora:  o nosso País- logo estará quase às escuras, pois, eu solicitando apenas R$ 40,00 (quarenta reais de crédito) O consumo desse valor escrito logo eu ouvirei: acabou a sua energia.

 

Então senhores Ministros, Deputados, Governadores, Prefeitos dos nossos estados do Brasil; os quais apoiaram, ou,  não fala desses assuntos, isso é correto? Mostre-nos, ou, nos apresente um plano que toda a sociedade vos aplauda! Eu pergunto: que conhecer um? O mesmo, eu já escrevi enviando para o ex- presidente do Brasil e já escrevi para a atual nossa presidenta; porém, não sei se os, ou as assessores, não passou ao conhecimento da mesma; isso não será novidade, pois, quantos dos mesmos, respondem sem que o endereçado saiba. Conheça:

Se os governos dos municípios e estadual, a cada momento, sempre apoiando e assinado leis de favorecimento a classe a qual dá sentido para eu escrever este; exemplo: sendo, funcionário público e havendo oficializado a união entre dois homens, ou, mulher com mulher e um deles, vindo a falecer, por direito, continuará a receber a pensão daquele servidor. Nisso, por que  então, não  fizeram um projeto de uma idéia de minha autoria, como  escrevi  “já enviada”  quê: o “a” aposentado “o” o ‘a” pensionista; vindo a falecer, não deixando filhos de menor e sim, apenas netos, netas; o INSS não cortar o benefícios. Quer uma  razão?  Quantas crianças, estaria, e “atualmente estão”  sendo alimentada justamente através do dinheiro, pois, seus avós os criaram e “criam” como filhos; e os biológicos; quantos sem empregos, ou, e até doentes, bem como: quantas filhas, foram deixadas pelo marido; as mesmas com filhos, e quem as socorrem, ou socorreram? Preciso escrever? Ao tempo em que: e os netinhos e netinhas, não tem vida que precisa se alimentar, estudar se vestir? Cadê o raciocínio, para tanto que pregam? O amor! Não existe? Ou! Precisamos acabar com a fome; porém: desse jeito? Cortando um beneficio, o qual os avós recebiam!

Então Faça.  Fazendo, favorece a sociedade no geral; e não me venha dizer que precisa de estudos, ou que haverá custo, pois, custo algum haverá. Em virtude que continuará a receber o que já estava sendo pago. Isto acontecendo; a sociedade em peso a vos aplaudir.

 

Bem! Ainda sejam cientes: eu tenho muitos mais projetos para favorecer a sociedade e quantos já enviados, apresentados; porém até agora nada de colocarem em prática. Exemplos: “armas sem bala não mata” “O RG precisa ter um visto, em dois e em dois anos.” E tantos.

Leitor, leitora.  Quem sabe esteja a pensar: o assunto que estava a escrever era de outro:

Não! Escrevo sobre o título deste artigo; pois, enquanto a classe que faz passeata, para ter o direito; ou, que a sociedade os aplauda;  para o governo reconhecer seus direitos; dando – os direito de casarem, “homem com homem” e mulher com mulher; pior ainda: a pedir ao próprio governos que: ninguém se oponha a esse fato; do contrário até cadeia venha para a pessoa; e  ao tempo em que:  cartilhas para salas de aulas também entra a discussão para ser aplicadas, aulas ensinando:  seja gays, você pode, é natural… Nisso para… Abra os teus olhos senhores! Ministro da Educação, Deus te ama! Porém, dessa forma irá lhe dar a costa.

Pois, minha convicção disso é grande; em virtude que  no eu de homem que é homem; isso estar a gerar tristeza, tornando-o envergonhado; pois, os mesmos, querendo que tudo aconteça ao seu favor; não faz diferença dos que atualmente  pensam e pede liberdade: digo: que o governo libere a maconha, pois, isso é um preconceito. Nossa! Que cabeças! Pior, é vê ministro junto e aplaudindo e desejando a liberação; seguindo por anos a macha a favor da maconha; e da forma que muitas mentes de governos atualmente em assinar leis; isso me preocupa. E tantos fatores que logo irá acontecer.

Confesso já imagino o e no futuro próximo; pessoas solicitando, pedindo na justiça, para andarem nus; sob a alegação que: “não tem dinheiro para comprar roupas”, ou, em virtude que no principio do mundo, o primeiro casal andavam pelados. Mais ainda: quem sabe, pela forma de pensar que tudo pode ser feito, ou realizado, pois, cada um tem a sua forma de estar; tem o seu livre arbítrio; então pedirão, aos mesmos que façam e assinem leis, ou, irão pedir a outros políticos que virá: que comungam no sentido ao que será descrito:

 

O homem, ou a mulher, pedirão permissão de trair um ao outro; pois, no passado, o homem vivia com mais de uma mulher.

Sim! Isso pode acontecer, pois, da forma como está o querer guiar a vida, através de leis, pode, ou, não acontecer? Quem sabe um dia, todos verá, ou saberão desse pedido e esse escrito lhes afirmará, mesmo não sendo profecia; apenas enxerga no presente a realidade de quem estar a desprezar fatos reais, quer não se pode fazer como se quer fazer; pois, adultos e principalmente as crianças as quais tanto pregam que dão segurança e precisam ser olhada com carinho. E os pais, igual como sou, ser obrigado a dar uma boa educação ao, ou, aos meus filhos, como eu poderei?  Qual a fórmula, pois, o tudo já descrito sobre o assunto gay e o que logo a seguir no próximo parágrafo; eu vejo isso e enxergo, como uma grande safadeza e não educação de viver bem.

Senhores ministros; Vossas Excelências se reuniram, tornou a união estável de duas pessoas do mesmo sexo como lei; porém, eu como homem, me sinto horrivelmente abatido; pois, em meu coração, habita o Espírito Santo de Jesus Cristo; e sou pai de três homens, tendo uma ainda criança, a mesma com idade de 10 anos. Nisto penso:

Será vergonhoso para mim e para ele, vêem dois homens se beijando, duas mulheres, aos abraços em plena luz do dia, ou, á hora que seja; pois, quem precisaria dizer não a esse tipo de atitude; pelo contrario, deram mais anseios e criaram método que até em sala de aula caso se falar mal, será punido. Imagino duas crianças do mesmo sexo em plena sala de aula, aos beijos e abraços; pior: nem professor, nem os pais de aluno; poderá dizer sobre essa vergonha, pois, homens super inteligentes que temos para dirigir o nosso país; deixaram se cegar pelo inimigo de nossas almas; assinando leis que: nada disso que pretendem fazer, não é nada aos olhos de Deus, pior ainda: acham que Deus não existi. Eu pergunto: o que os senhores pensam, agindo assim? Assinando leis; desprezando as próprias leis de Jesus Cristo.

 

Um recado a todos os senhores que assinam e está aplaudir, ou a calar-se para com esse mal de comportamento: O Deus que criou o mundo quer falar com você. E quem sabe: se não mudarem, a tua própria vida, Ele Deus, a tome de volta, te levando ao pó; ou seja: que você venha morrer; ou padecer, num leito de um hospital; pois, quantos já se foram! Quantos a cada dia estavam lado a lado, aliais, afirmava para o Brasil e o mundo que era gay, e hoje estão a onde? Debaixo do chão. Então! Vai continuar assinando leis, para beneficiar a todos que estão contra os ensinamentos de Jesus Cristo?

Ministros? O senhor, que assinou e assinam e pretendem até oficializar a lei de poder casar homem com homem, mulher com mulher; o senhor, não olha para o céu? Se olhar, então lembra: Deus está te contemplando; e vai te castigar; pode esperar.

Deputados federais, senadores, os quais estando de pleno acordo com as leis, que estão criando; bem nem irei escrever o número; porém, os senhores sabem quais são; as mesmas, elas, serão assinadas por Vossas excelências? E, quais os sentimentos nos verdadeiros homens, nem pensar? Saiba: causará ao verdadeiro homem sentimento de mágoa; pois, existem muitos homens; milhares, com os mesmos meus pensamentos; sendo evangélicos, católicos, ou não. Pois, na primeira análise seria: vale apena ter os senhores como nossos representantes no congresso e nas Câmaras, bem como no Judiciário? Onde agindo assim; estará sendo contra Deus e contra Jesus Cristos. Ao tempo saiba: continuando dessa forma, a cada mês, ano, as naturezas do céu destruirão qualquer prognóstico de mudança, para um Brasil melhor; além que vos pergunto:

E se Ele Deus, e Jesus Cristo, nos derem a costas; como ficaremos?

Imaginemos: nosso País, sendo atacados por homens bombas; assim  destruindo, nossa gente, nossos filhos, nossas terras;  pois, Deus e Jesus Cristo, nos desprezou, em virtude que os senhores e todos que estão nessa de mudar os conceitos e ensinamentos de Jesus Cristos, nisso se Deus,  querendo  fazer igual,  como fez com Sodoma e Gomorra. Ou então Jesus Cristo a nos a enviar:

Tsunamis, terremotos, fome, peste, e muitas guerras; até mesmo no planalto, nas câmaras, em palácio de governos em prefeituras, pois, esquecemos de Deus e Deus nos desprezou.

 

Quem sabe, os senhores venham a dizer: “isso não acontecerá”; Acontecerá sim; pois, Jesus Cristo já nos ensinou: se todos se calarem até as pedras clamarão e eu não me calarei, pois sou uma dessas pedras. Mesmo desprezado, humilhado, por até quem não deveria; mesmo sendo sincero, lutador, desejando o bem, não importando quem seja. Mesmo amando a todos, da forma que queira estar;  amarei sempre qualquer um deles; porém; não aceitarei que mude  nada contra os ensinamentos de Jesus Cristo, em virtude que Ele é vivo e existe; e aprova estar também neste; pois, quem sabe desse escrito, retorno algum de dinheiro eu venha ter, bem como, não estou escrevendo para esse fim; porém, com certeza, na vida de alguém, será como uma espada penetrante em seu coração e mente, pois, faço a vontade de Jesus Cristo, sem me preocupar com tesouro na terra, pois, nesse escrito, Ele Deus, abrirá os olhos de muitos; e creio, que muitos dirão  após a leitura deste, ou conhecimento: casamento de homem com homem; mulher com mulher, no Brasil jamais assinarei;  pois eu acredito que…  Do  contrário, assinem! E verá de Deus o resultado; pois se hoje; Como homem! Sinto-me envergonhado com muitos que assinam leis no Brasil; imagine Deus e Jesus Cristo; quando assinando, essa terrível lei que jamais pode acontecer, sob pena do já descrito.

Manoel Honorato, homem pobre escritor humilde. E-mail: mhonoratofilho2009@hotmail.com Publicado também no site: www.paralerepensar.com.br/manoelhonorato