Gestão de Pessoas

As relações de trabalho passaram por diversas mudanças significativas nos últimos anos no Brasil, como em todo mundo, o que refletiu diretamente na atividade realizada pela área de Recursos Humanos que passou de uma atividade meramente burocrática e de controle para uma atividade estratégica, responsável por ajudar a empresa a atrais, reter e desenvolver as pessoas que compõem o seu negócio.

O impacto dessas mudanças pode ser percebido através dos processos de racionalização e técnicas que incorporam ao ambiente empresarial novas tecnologias e modelos de gestão.

Para que o sistema funcione é preciso sintonia entre as pessoas e a empresa atravé de uma gestão cuidadosa e eficiente através da gestão de pessoas, que agora passam a ser consideradas como parceiras do negócio e não mais como recursos. É preciso compreender a realidade da empresa, olhando a gestão de forma integrada, com ênfase nas pessoas como fonte determinante do sucesso, gerando resultados dentro dos objetivos da empresa, agregando mais valor, permitindo ao funcionário compreender a sua missão, procurando a melhor forma de executar o trabalho, por prazer, eom o máximo empenho na tarefa, sem fórmulas mágicas.

Se quisermos pensar na empresa hoje e no futuro, significa que temos que entender que obter a excelência empresarial deve ser um trabalho realizado com e através das pessoas, por isto é necessário cuidar, inclusive do ambiente, tornando-o mais relaxado, onde todos partilham os mesmos objetivos e não apenas cumprindo o horário e recebendo um salário no final do mês, mas que a empresa passe a fazer parte da vida do funcionário, assim todos saem ganhando nesta nova arquitetura do trabalho.