Meu lindo jardim! De letras.

 

Meu lindo jardim! De letras.

Madrugada de um dia. Em um momento acordei. Ao olhar para o meu relógio, me confirmava: 3 h e 35 minutos. E, mesmo por longos minutos ainda deitado; o sono desapareceu. Eu tentei voltar a dormir… Nisso o vento que não vemos a mim  apareceu umas três vezes. Ao mesmo tempo em que eu sentir um cheiro tipo de um perfume, que não havia sentido antes…
Não! Não conseguir continuar deitado. Ao abri a porta, percebo minha nova manhã, sorrindo para mim. Com a luz ainda da lua já desaparecendo, para dá o lugar a claridade do dia – assim anunciar o brilho do sol.
Apresentei-me ao mesmo, sendo saudado, já dentro do jardim de minha residência, através de várias pétalas de rosas a brotar me oferecendo show da natureza e, nelas pude observar gotas de águas iguais estivesse a jorrar e sem seca. Refletir Deus a me dizer: meu servo tu também és meu filho. Então, não se esquece: Eu e Jesus Cristo  somos Salvador do Mundo. E nós e o Espírito Santo somos uma só pessoa a ti me apresento como quero.
Percebi que naquela grama a brisa estendida naquele tapete verde, me dava a certeza em pensar: eu poderia se quisesse, a partir daquele momento, brincar com as crianças, pular, sorri gritar. Naquele pensar; os pássaros a me saudarem, com cânticos! E, muito diferentes. Nisso, aquela alegria tomava o meu pensar e lá de dentro da alma em silêncio gritei:
“Há! Como é lindo ter Deus dentro do nosso coração.” “Isso é super gratificante.” E muito mais: poderei a qualquer momento durante o dia te abraçar. E o dia, ali vai ganhando luz. E o que chamamos de firmamento, já havia ido para dar lugar ao brilho do sol.
Der repente, fui surpreendido por um desejo forte. Vê você meu amigo, amiga. Conhecer você leitor “a” e, vibrar pelo pensar da conquista: todos têm o direito se quiser de possuir. “a vibração do saber amar.”
Nessa hora, totalmente dia. Sentir ali o desejo de agradecer novamente a Deus, pelo dia que passou, e o dia que chegou. Assim que eu pudesse sorrir de felicidade. Viver as horas daquele dia de muita alegria, fazendo o bem sem olhar a quem.
Ali pensei nas vidas que sofrem! Imaginei tentar dar conforto para quem precisava. Dizer as vidas deste mundo, que o mar, não tem com medi-lo porque, o amor de Deus por todos nós, não há limite. Daí amigo leitor “a”
Em todo nosso aprendizado já no ensino primário aprendemos: o alfabeto da minha querida pátria Brasil, é composto de 23 letras. E, pela nova ortografia, 26 letras serão contadas. Reflete então:
Uma vida nasce logo recebe quantidades de letras para forma nome e sobrenome etc. Todos serão conhecidos, pela formação das letras.
A mente então, quando é apresentada a outra vida, começa criar seus meios assim, juntando- se ao trabalho dos olhos para não esquecer a imagem de alguém; sempre nunca a esquecer o nome e o lindo rosto de todas as vidas. Então deixo para essa leitura a minha análise: traduzindo da seguinte forma: cada pessoa que faz o bem saiba: Igual às rosas nascem, exalando seu perfume, sua vida é muita preciosa para Deus e para mim. Ela foi guardada em meu coração, como algo muito precioso que ganhei. Assim todo dia eu estarei a lhe falar: mesmo que eu não tenha rosas; porém, em meu coração, aquelas gotas de águas, antes conhecidas representam eternamente você! Meu lindo jardim! De letras.