O INGLÊS E A CULTURA BRASILEIRA

O INGLÊS E A CULTURA BRASILEIRA

Elisa Oliveira da Conceição [1]

As influências lingüísticas de uma nação sobre outra não podem ser consideradas parcialmente. Podemos então afirmar que língua e cultura são duas faces da mesma moeda, pelo fato de o domínio de uma língua estrangeira representar mais do que uma simples habilidade lingüística, esta tem suportes para representar: aptidão multicultural, versatilidade de estruturar pensamentos por diferentes vias, facilidade de interpretar realidades sob diferentes ópticas, entre outras. Isso, em certo sentido, não implica comprometimento direto de nossa língua materna, nem de nossa cultura.

Devido à intensa atividade de comércio com países do Exterior, o Brasil assim como os demais países da America Latina são fortemente influenciados pelo inglês, que atualmente pode ser considerado uma língua universal.

O processo dessa invasão cultural norte-americana apresenta elementos que, se absorvidos e incorporados ao nosso dia a dia, serão claramente menos percebidos do que outros. Várias circunstâncias nos têm levado a encarar com excessiva naturalidade (ou até mesmo com certa indiferença) a presença ameaçadora desses elementos em nossa cultura brasileira. Nossa grande familiaridade com a língua inglesa, por exemplo, é uma dessas circunstâncias, pois depois do português ela é a língua que mais ouvimos, lemos e falamos enquanto nação, embora estejamos cercados de países de língua castelhana.

Segundo pesquisas bibliográficas, o fato de os norte-americanos dominarem uma boa parte do mercado ligado à tecnologia faz com que sejam introduzidas em nossa língua muitas palavras dessa área, especialmente aquelas usadas em informática.

Se existisse maior controle sobre a televisão e fosse barrado, por exemplo, a entrada da produção cinematográfica norte-americana de baixa qualidade (poucas exceções), sobraria mais espaços para a produção artístico-cultural brasileira e evidenciaria a nossa preocupação em preservar a nossa identidade. Assim, por conta desses aspectos, em nossa cultura podemos perceber diversos “estrangeirismos”.


[1] Graduada em Letras português&inglês. E-mail: eoconceicao@hotmail.com.