O LEITOR DE OUTDOORS NA EDUCAÇÃO

ANÚNCIO

O meio de informação outdoors oferece um campo amplo para experiências e aquisição de conhecimentos, onde circulam os signos, palavras, sons, símbolos, marcas e etc.

Vemos também como base do pensamento humano e da comunicação. Os gêneros que são colocados no suporte outdoor são de inúmeras leituras e com propósitos diferenciados, que tentam suprir as muitas necessidades que tem o ser humano para facilitar sua comunicação.

A propaganda constitui de um material privilegiado para a prática escolar ensino-aprendizagem da língua materna, a reflexão sobre a utilização dos recursos criados para chamar a atenção do leitor, as críticas e a reação do público deve ser trabalhada com os alunos e que possamos formar alunos que percebam essas implicações e com isso criem novos horizontes diante dessa variedade de gêneros que veiculam nos outdoors.

Também é muito importante saber a intenção do autor do texto nos outdoors, as pistas colocadas, os sentidos, as vozes sociais, a função de seduzir, vender, mostrar, indicar, persuadir e entre outros. Esses processos são fundamentais para professor trabalhar em sala de aula.

Não devemos esquecer que os alunos já possuem um conhecimento prévio sobre determinados assuntos. Pois eles se deparam todos os dias com este meio de informação que é o outdoor.

E o que precisa ser trabalhado com os alunos é a função do outdoor e para que fins destinam-se o mesmo. Outra importante alternativa é com relação aos processos lingüísticos que são muitas vezes surpreendentes onde fazem o leitor parar para pensar na informação. Porque os recursos e a criatividades das pessoas que elaboram as propagandas são surpreendentes.

A visualização desses outdoors que permanecem pouco tempo na nossa realidade e que vem a ser substituído por um que chama mais atenção, são processos que se forem aprofundados as análises e reflexões certamente contribuíram para o ensino do aluno, e para futuras pesquisas dos profissionais da língua.

ANÚNCIO