Os ciclos de evolução humana por meio das Leis Universais

Deus, ao plasmar a imagem do homem, segundo a  Logosofia, determinou-lhe o cumprimento de todos os ciclos de evolução por meio das Leis Universais. Para isso, o Criador concedeu-lhe a prerrogativa de conhecer a sua vontade pasmada nessas Leis. Ao tomar consciência dessa grande prerrogativa, o homem poderá reger sua vida  como ser físico e imortalizá-la como ser espiritual.

Quando começamos a compreender e sentir o grande objetivo da vida, passamos a dedicar mais tempo aos aspectos superiores ou transcendentes, com o objetivo de superar-nos,  evoluir conscientemente, e constituir-nos em verdadeiros servidores da humanidade. Para isso, é fundamental uma grande consagração e a criação de energias internas, capazes de ajudar-nos a vencer tudo quanto conspire contra os nossos elevados propósitos de bem e contra a firmeza de nossas determinações.

É necessário adquirir o conhecimento dos pensamentos, para podermos entrar em contato com a nossa realidade interna.

Eles devem ficar subordinados a nossa vontade e atender ao que lhes determinamos, porque podem nos levar a fazer o que não queremos e deixar de fazer o que gostaríamos.

O desconhecimento e desacato das Leis Universais têm levado o homem a se projetar para fora de si mesmo e, dessa forma, é praticamente impossível vincular-se com o próprio interno e tomar contato com a sua natureza superior ou espiritual. Por causa desse desvio sofre as consequências que tanto o deprimem e angustiam.

O ser humano, à medida que vai se superando e evoluindo clama, internamente, por verdades que lhe saciem a sede do saber superior, para que possa criar dentro de si, a felicidade tão ansiada e a orientação segura de um caminho   que o conduza ao Criador.

A logosofia proporciona ao ser os meios para a realização do processo de evolução consciente, o qual o conduz ao conhecimento de si mesmo e, consequentemente, aos grandes conhecimentos, tais como: do Criador, das Leis Universais, da finalidade da vida, do mundo transcendente ou superior, do próprio espírito e do Criador.

Um dos seus maiores objetivos consiste, exatamente, em ensinar o homem a pensar  por si mesmo.

A realização do referido processo, instituído por essa Ciência, se efetua pela primeira vez na história dos seres humanos. Esse processo, dentre outros aspectos, possibilita o ser, por meio de um método próprio,  a edificar uma nova vida, ao reestruturar os seus sistemas  mental, sensível e instintivo.

Sinval Lacerda

Para mais informações sobre a Logosofia e a Fundação Logosófica:

www.logosofia.org.br