Pele Saudável e envelhecimento: como obter de maneira sadia?

A primeira impressão é a que fica! […] e muitas vezes esta impressão é feita pela pele!

Uso de cremes, hidratantes, cuidados excessivos como sauna, maquiagem e outros podem a prejudicar ainda mais sua pele.

Apesar de toda tecnologia do séc. XXI a nosso favor, não podemos esquecer dos sinais de envelhecimentos como rugas ou manchas.

A primeira regra para não errar na hora de cuidar da pele é avaliar suas características e definir em que tipo ela pode ser classificada.

a) Normal: (lisa, aveludada, elástica, com umidade e brilho naturais) – é preciso mantê-la limpa e protegida com hidratantes e filtro solar.

b) Seca: fina e sem brilho, pouco elástica, deficiência de oleosidade – precisa beber bastante água e comer frutas e vegetais, não tomar banhos quentes, preferir sabonetes suaves e usar hidratantes

c) Oleosa: oleosidade excessiva – procure usar filtros solares ou cosméticos sem óleo, evitar usar hidratantes mas áreas mais oleosas, evitar comer alimentos gordurosos.

d) Mista: provenientes na testa, nariz e queixo, preferir produtos que retirem a oleosidade.

Alguns dos itens que podem melhorar os cuidados com a pele são: tomar água, boa alimentação, evitar o cigarro, manter-se desestressada, sol na medida certa, livrar-se muitas vezes da maquiagem e dormir bem.

Caso alguns dos sintomas não desapareçam, é primordial que procure um médico para que avalie suas condições e trate adequadamente os cuidados com sua pele.

Boa sorte