Planejar É Preciso Essencialmente Na Educação

PLANEJAR É PRECISO ESSENCIALMENTE NA EDUCAÇÃO.

A grande preocupação com educação; sempre foi levado há diferentes estudos sejam por análises teóricas ou práticas. Embora todos tenham contribuído com suas parcelas significativas.

E foi nesta busca por melhorias e desejos de fazer funcionar à educação que se descobriu na história, que o planejamento sempre foi o remédio para todos os problemas. Há idéia de planejamento foi se propagando no decorrer do tempo, e passou a ser difundida para os mais variádos seguimentos institucionais de empreendimentos.

Tornando-se uma forma aplicável e rentável quanto seus objetivos buscados. Com a finalidade de se planejar tudo, acabou chegando há educação. Consequentemente, trazendo bons resultados e melhorias significativas, que foram resolvendo muitos dos problemas. Até porque, a principal característica do planejamento, sempre foi há programação e a organização.

Consequentemente, este modelo de planejamento foi sendo ultrapassado, modificado, especializado. Surgindo assim novos parâmetros, para tentar atender as demandas que foram surgindo na educação.

O planejamento metadisciplinar é um método rápido, eficiente onde não precisava pensar no futuro para fazer acontecer uma solução. Este método é para ser trabalhado em uma forma reflexiva, em que tenha a consciência de resolver todos os problemas e as dificuldades sejam elas quais forem a partir do momento em que todos os sujeitos abraçarem a mesma causa. Em que cada sujeito tem sua responsabilidade e suas obrigações conjuntamente.

Mas o que tem que ficar claro para cada um dos sujeitos envolvidos, nesta causa é que não irá existir nenhum mérito individualista e sim coletivo. Não tendo assim nenhuma forma de eriarquia.

Neste, mesmo instante em que todos estão inseridos, fica claramente que não existirá diferença de autoritarismo, todos respondem por mesmos atos, indiferente das situações sociais em que cada um se encontra. Fazendo de um ambiente altamente democrático, e reflexivo. Essa socialização deve ser compreendida como fator de solução para todos os problemas que o grupo tem. Infelizmente mais uma vez com este modelo de planejamento metadisciplinar escolar, não foi o suficiente para resolver todos os possíveis problemas, deixando mais uma vez o ensino à espera de um novo modelo revolucionário que pudesse dar conta das dificuldades.

Então nesta mesma proporção surge o planejamento PPP metadisciplinar, que está ainda em processo de transição, não podemos ainda afirmar o seu verdadeiro funcionamento.

Mas a verdade é que com todas estas reformulações e inovações na educação tudo isto não será idealizado porque a educação é uma utopia em nosso país.

Porque devemos pensar que o que faz da educação ser diferente serão sempre os sujeitos educadores, e esses sujeitos estão longe de possuírem as mesmas maneiras de pensar e agir, mesmo os que estão no mesmo caminho. Pois os infinitos propósitos que cada um tem e idealiza, faz com que toda e qualquer esfera educacional se torne cada vez mais complexa.

Jamais saberá se todos os sujeitos estarão realmente envolvidos, e os que estão e envolvido apenas poderão ser aqueles que só esperam resultado e não contribuem para o avanço dos demais.

Em qualquer esfera escolar os educadores serão á base de tudo. Ficando aqui a parte mais difícil, que seria colocar todos em um mesmo ritmo educacional com os mesmos objetivos, mesmos ideais, sendo que isto se torna cada vez mais utópico, pois as relações humanas cada vez mais são dificultadas por desejos individuais que cada um tem. Com está questão em que todos poderiam abraçar a mesma causa, é muito difícil acontecer.

Até porque nossa cultura brasileira se restringe quase sempre por criticar quem está fazendo algo, e isto vem caracterizado desde os primórdios de nossa nação, não temos uma raça definida, pois as misturas são muitas e isto se tornou nosso país em um campo de misturas de raça dentro da história. Tornando-se uma divisão de raça, crença e estatus individuais e sociais.

Paulo Marcelo Paulek