O Alemão, a Ética e o Pré-Caju.

Desfiles suntuosos deram lugar a ajuntamentos confusos e violentos, onde quem tem um pingo de juízo não se arrisca a entrar. Fantasias luxuosas, inspiradas em carnavais da Paris do século XIX, foram substituídas por trapos miseráveis e camisetas extremadas de propaganda variada – que o vulgo erroneamente insiste em chamar de abadá, pagando para envergá-lo.