A Terceira Sinfonia de Johannes Brahms

Andersen Viana* Brahms em sua terceira sinfonia consegue utilizar materiais sonoros aparentemente antagônicos, de forma interdependentemente intrínseca, subliminarmente retirando seus diversos materiais uns dos outros, e, neste caso, de movimentos. Como pode ser observado acima, o arpejo sobre o I grau da tônica, fornece elementos suficientes para que se encontre um elo de ligação entre … Ler mais