Empréstimo Bolsa Família – Como Solicitar o seu Agora Mesmo

Atualmente, muitos microempreendedores individuais têm buscado informações sobre como solicitar o empréstimo do Bolsa Família. Afinal, quais são os requisitos exigidos para pedir esse microcrédito que está disponível em vários bancos do Brasil?

Nas grandes instituições financeiras, o microcrédito produtivo pode chegar a R$ 20 mil e para solicitar o empréstimo, o beneficiário do Bolsa Família deve fazer o pedido online, com um cadastro simples e pessoal. Descubra como é possível solicitar o empréstimo Bolsa Família.

Empréstimo Bolsa Família - Como Solicitar o seu Agora Mesmo

O Empréstimo Bolsa Família

O empréstimo Bolsa Família recebeu esse nome porque é destinado aos beneficiários do programa social Bolsa Família. Mas, no Ministério do Desenvolvimento Social é chamado de Microcrédito Produtivo Orientado.

A ideia é dar um auxílio de microcrédito, que geralmente vai até R$ 20 mil, aos empreendedores que querem começar um negócio ou alavancar o seu já existente, que pode ser com a capacitação profissional, compra de insumos, entre outras finalidades.

Um ponto importante a se considerar é que ao solicitar o empréstimo do Plano Progredir, o solicitante não está abrindo mão do seu benefício Bolsa Família, já que as parcelas do crédito não são descontadas no benefício.

Solicitar Empréstimo Bolsa Família

Para solicitar o empréstimo do Bolsa Família leve em conta que todo processo precisa ser feito pela internet através do site do Ministério do Desenvolvimento Social e na opção do Microcrédito Produtivo Orientado.

A regra é que para solicitar o empréstimo Bolsa Família, no Plano Progredir, é necessário estar inscrito no Cadastro Único, sendo que seus dados serão enviados para os bancos parceiros, que vão avaliar o perfil financeiro de cada solicitante para oferecer o microcrédito.

Se não houver bancos disponíveis na região, o Ministério pede que os empreendedores aguardem o Progredir ampliar a sua rede de parceiros. O Ministério também afirma que é uma decisão de cada banco entrar ou não em contato com os solicitantes.

Inclusive, é o próprio banco que vai determinar o valor e todas as condições do crédito depois que o empreendedor cadastrado no Bolsa Família solicitar o empréstimo para reformar, comprar objetos, investir em pessoas, etc.

Requisito para Solicitar o Empréstimo

Vale saber também que além de estar cadastrado no Bolsa Família e no CadÚnico de forma ativa e vigente, quem for solicitar o empréstimo Bolsa Família vai precisar estar formalizado no mercado, isto é, ser um MEI.

Um MEI (Microempreendedor Individual) é um empresário de pequeno porte que se formalizou através de um projeto do governo que visa dar qualidade ao pequeno empresário, com a criação de um CNPJ (Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica).

No Portal do Empreendedor é possível encontrar todos os passos que são importantes e imprescindíveis para se tornar um MEI, considerando que esse é um requisito fundamental para solicitar o empréstimo do Bolsa Família no Plano Progredir.

Taxa do Empréstimo Bolsa Família

Como foi visto acima, para solicitar o empréstimo do Bolsa Família é preciso fazer o cadastro no Ministério do Desenvolvimento Social e aguardar a análise de crédito e resposta dos bancos parceiros. Isso quer dizer que as taxas de juros podem variar conforme a instituição financeira.

Mas, para você ter um exemplo real das taxas, considere que na Caixa o empréstimo Bolsa Família tem taxa de juros a partir de 3,3% ao mês, além da cobrança de IOF (Imposto sobre Operações de Crédito). Já a Taxa de Abertura de Crédito é de 3% sobre o valor do contrato. Essas informações estão listadas no site da Caixa.

Da redação