Eis que bato em sua porta

Bati em sua porta, nem me deu atenção

Não sou entregador de conta de telefone água ou luz

Esperei tanto tempo, quero entrar em seu coração

Sou seu melhor amigo, chamado Jesus

Bati  repetidas vezes,e não me atendeu

Não entrego  pizza e nem panfleto comercial

Gostaria de dizer, vem oh filho meu

Vem fazer parte comigo do reino celestial

Não sou  o carteiro, nem vendedor ambulante

Tenho boas notícias,  e a te dar um grande presente

Paz e alegria, felicidade, e uma vida abundante

Eis que bato a porta,  será que você não sente

Eis que bato a porta, não para te fazer cobrança

Nem a lhe entregar intimação ou uma fatura

Ofereço-lhe  a ti muita esperança

Quero fazer de ti uma nova  criatura

Eis que bato a porta, mais não vou arrombar

Todo dia estou  aqui ansioso  a insistir

Espero contigo a aliança festejar

Basta apenas a porta você abrir

O que tenho para ti não são flores

Nem cestas de café da  manhã a entregar

Bom  ânimo, e alívio a suas dores

Filho, a porta bato, quero  entrar